VI PORTINGALOISE

Festival Internacional de Danças e Músicas Antigas

11-13 setembro 2020

Armazém22, Gaia

Um festival que conjuga criação, formação e divulgação de trabalhos relacionados com o património coreográfico europeu do século XV ao século XIX. Tem como objetivo a divulgação da Dança e da sua estreita relação com a Música, designadas Antigas, porque pertencentes a um contexto sociocultural anterior à Era Contemporânea. Trata-se de um evento que tem como premissa fundamental a aproximação ao património escrito mas de natureza efémera – a música, a dança, o teatro – daquele período compreendendo a sua influência na nossa prática ainda hoje, questionando sempre a sua função coeva mas também a sua função na contemporaneidade, abrangendo os seus espaços e agentes desde a prática erudita à popular.

 

O Festival possui tem três componentes: criação original do Ensemble Portingaloise, investigação/encontro académico e formação em dança histórica. Para 2020, por motivos de pandemia de COVID’19, será composto apenas por um Ciclo de Verão, de 11 a 13 de Setembro, no Armazém 22, em Vila Nova de Gaia, com atividade presencial e online. Iremos avançar com formato online para o Curso e Encontro Académico com uma difusão global, a partir do Facebook do Armazém 22.

 

11/09/2020 – 21h

LE VOYAGE IMAGINAIRE

c/ Le Chá no Arrrr /Ensemble Portingaloise

Um espetáculo onde dança, música e teatro se encontram à volta da estória de duas crianças que, num dia de chuva, descobrem o velho e escuro sótão da casa dos avós, onde uma série de objetos levam-nos a fazer uma viagem no tempo. A realidade desses dois personagens é então transformada num mundo de sonho e fantasia onde a dança e a música de outras épocas são, na verdade, uma divertida brincadeira. Um espetáculo através da música e da dança barroca, num desvendar de um código antigo a partir de uma abordagem mais leve e contemporânea. 

Criação e Interpretação: Daniela Leite Castro e Thiago Vaz

Intérpretes convidadas: Catarina Costa e Silva e Inês Negrão

 

12 e 13/09/2020

12h às 13h – Aula de Dança Barroca Online

c/ Catarina Costa e Silva e Ensemble Portingaloise

 

14h30 às 18h30 – Encontro Académico Online

Dança e Música para Dança na Península Ibérica na Época Moderna

*COM A CHANCELA DO CENTRO DE ESTUDOS CLÁSSICOS E HUMANÍSTICOS DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA

Comunicações de importantes investigadores nacionais e estrangeiros, nomeadamente: Cristina Fernandes (FCSH/INET-MD), Diana Campoo (UAMadrid), Álvaro Torrente (UCMadrid), Xosé Crisanto Gándara Eiroa (COSMAC – Conservatorio Superior de Música da Coruña), Luisa Morales (FIMTE-ULleida) e Raquel Aranha (PUC-SP).

 

Portingaloise – Festival Internacional de Danças e Músicas Antigas constitui um dos eventos pertencentes à programação da Kale Companhia de Dança com apoio sustentado bienal da DGArtes para 2018/2019 e 2020/2021.

Os Gestos Cantam na Dança Libertados

MIMESIS – 1º Ciclo de Teatro e Artes Performativas | Universidade de Coimbra

Dança Contemporânea | Espetáculo itinerante com música ao vivo

17h30 | 20 de Setembro de 2020 | Palácio de São Marcos | Coimbra

Verso de Sophia inspirado pela dualidade do ser humano, que é razão mas também emoção, que é ordem mas também caos, que é simetria mas também desequilíbrio, que é regra mas também transgressão… que é Apolo e Dioniso… que é lira, mas também aulos. Um verso de Sophia em que a dança canta e o movimento é música…

 

Ensemble Portingaloise: Alexandra Campos, Catarina Costa e Silva, Daniela Leite Castro, Francisca Rodrigues, Inês Negrão, Thiago Vaz

Direção coreográfica: Catarina Costa e Silva

Composição e sonoplastia: Pedro Santos, Daniela Leite Castro

VII PORTINGALOISE

Festival Internacional de Danças e Músicas Antigas

16-18 abril 2021

Armazém22, Gaia

O PORTINGALOISE – Festival Internacional de Danças e Músicas Antigas é promovido pela Kale Companhia de Dança, em parceria com Portingaloise Associação Cultural e Artística, com direção artística de Catarina Costa e Silva, celebrando em 2021 a sua VII Edição.

Este Festival conjuga criação, formação e divulgação de trabalhos relacionados com o património coreográfico europeu do século XV ao século XIX. Tem como objetivo a divulgação da Dança e da sua estreita relação com a Música, designadas Antigas, porque pertencentes a um contexto sociocultural anterior à Era Contemporânea. Trata-se de um evento que tem como premissa fundamental a aproximação ao património escrito mas de natureza efémera – a música, a dança, o teatro – daquele período compreendendo a sua influência na nossa prática ainda hoje, questionando sempre a sua função coeva mas também a sua função na contemporaneidade, abrangendo os seus espaços e agentes desde a prática erudita à popular.

 

PROGRAMAÇÃO:
——————————
17 ABRIL

11H-13H
AULA ONLINE
Dança Renascentista no Auto do Labirinto

Gratuito com inscrição obrigatória, até às 19h00 de 16/04, através de formulário disponível AQUI (após inscrição, será enviado link Zoom para aceder à aula).

16H
ESPETÁCULO
Auto do Labirinto

Cocriação Ensemble Portingaloise e Il Dolcimelo
Streaming Facebook Armazém22

17H-19H
MESA REDONDA
Auto do Labirinto

Com Isabel Monteiro e Catarina Costa e Silva (responsáveis pela direção musical e cénica do espetáculo) e intérpretes, com moderação da Professora Ana Isabel Buescu (Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – Universidade Nova de Lisboa), sob a chancela do Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos da Universidade de Coimbra.
Streaming Facebook Armazém22

——————————
18 ABRIL
Residência artística de “Balle de las Danças”

Créditos da imagem de capa: Gonçalo Sério Limpo